Como abrir Empresa ou negócio próprio passo a passo – Guia Definitivo

É o sonho de muitos brasileiros abrir o próprio negócio. Seja por vontade de ganhar autonomia e fugir dos patrões ou por uma situação de desemprego. São muitos os que querem abrir um empreendimento, mas ficam com medo de dar o pontapé inicial e apostar seu capital às escuras.

 

Para conseguir um negócio de sucesso é preciso identificar oportunidades e saber como tirar bom proveito delas. E, principalmente, não se intimidar com as dificuldades, que muitas vezes ameaçam a construção de uma empresa.

 

Na hora de montar um negócio próprio é necessário persistência, capital inicial, força de vontade e criatividade. Além de fundamentalmente traçar um planejamento (por meio de um sólido Plano de Negócios) para depois começar a empresa. Foi pensando nisso que preparamos o passo a passo para abrir o seu empreendimento:

 

Procure um contador

como-abrir-empresa-ou-negocio-proprio-passo-a-passo-guia-definitivo-elite-contabilidade (2)

Esse é, sem dúvidas, o primeiro passo que você, empreendedor, precisa tomar. Um contador é importantíssimo porque ele que vai fazer a documentação para a abertura do negócio. Ou, caso você já tenha pronta a documentação, é esse profissional que vai analisar se eles estão realmente corretos. Por isso, contrate o seu contador e alinhe-se com ele.

 

Muitas vezes os pequenos empresários acreditam que contratar esse profissional não é necessário, já que o empreendimento é pequeno, sendo o contador mais um gasto. Certamente uma forma errada de pensar a questão, jaá que o contador tem conhecimentos diferenciados e pode indicar melhor o sistema tributário para o seu tipo de empresa.

 

Além disso, o profissional também ajuda o empresário a se organizar melhor com os pagamentos. Muitos deles ensinam como montar cronogramas com os dias de pagar os impostos, os funcionários e a montar o balanço geral do empreendimento.

 

Contrate um advogado

como-abrir-empresa-ou-negocio-proprio-passo-a-passo-guia-definitivo-elite-contabilidade (1)

Assim como o contador, o advogado é essencial para o abrir seu próprio negócio. Ele é totalmente apto para auxiliar em seguimentos importantes para a criação e manutenção da empresa. O advogado pode ajudar o empreendedor na elaboração do Contrato Social e com outras documentações primordiais para a empresa.

 

Não há como elaborar certos tipos de documentos legais, que dependem das ferramentas necessárias utilizadas pelos profissionais da área de Direito. A documentação pode apresentar vários furos que podem atrapalhar os negócios.

 

Dependendo do serviço/produto que for comercializar, o advogado vai auxiliar o empresário através das leis para delimitar o que pode ou não ser feito e quais as responsabilidades da empresa para não prejudicá-la. A legislação trabalhista em relação aos funcionários também pode ser gerida por este profissional.

 

Registre a sua marca

como-abrir-empresa-ou-negocio-proprio-passo-a-passo-guia-definitivo-elite-contabilidade (4)

O registro da sua marca é a garantia de que o nome da sua empresa vai estar preservado. Para alguns pequenos empreendedores esse investimento pode parecer alto demais em relação ao tamanho do seu negócio. Mas, na verdade, isso é de longe uma vantagem a longo prazo e uma garantia para o próprio dono da empresa.

 

Quando o seu negócio começar a se consolidar e expandir, se você não tiver registrado a marca, alguém pode fazer isso. Depois, a única coisa que vai lhe restar é mudar o nome do seu empreendimento e perder a visibilidade que o nome da marca já havia atingido.

 

Invista em um serviço de marketing

como-abrir-empresa-ou-negocio-proprio-passo-a-passo-guia-definitivo-elite-contabilidade (1)

Na hora que os empresários pensam em economia para abrir um negócio, pensam logo em economizar na divulgação da empresa. Normalmente eles investem em formas rápidas para tentar que a marca e/ou o produto/serviço seja disseminado. Normalmente usam soluções amadoras para isso.

 

Economicamente pode até parecer que esse jeito de agir é mais vantajoso, mas na verdade essa economia pode atrapalhar a médio a longo prazo. Ou até mesmo no início da empresa, atrapalhando o movimento de vendas do negócio.

 

Por isso, um passo importante é fazer sim um bom marketing, e isso não quer dizer que precisa ser caro. Existem empresas que são especializadas em atender justamente pequenos e novos negócios, que precisam investir no marketing. Esse é um serviço que é pouco recorrente, mas muito necessário. E tê-lo pode fazer muita diferença.

 

Realize um planejamento financeiro

Sem dúvidas, acima de tudo, o sucesso de um empreendimento é fruto de uma boa organização. Por isso, para abrir um negócio próprio é preciso ter um bom planejamento, principalmente com o lado financeiro. Não adianta ter uma excelente ideia para abrir uma empresa e estar com as finanças no vermelho.

 

O capital precisa estar seguro para o empreendimento perdurar sem nenhum susto. Lembre-se sempre que muitos imprevistos podem acontecer, e também é importante levar em consideração que a empresa demora um certo tempo para dar lucro. Então ter as finanças em dia é importantíssimo para a saúde do seu negócio.

 

Por isso que os especialistas da área afirmam que o ideal é que o empresário tenha dinheiro em caixa para pelo menos três meses sem lucro. Para que não gaste em excesso antes de começar a ter algum lucro de verdade e tenha giro.

 

Seguindo esse passo a passo para abrir um negócio próprio, certamente ficará mais fácil realizar o seu grande sonho de montar um empreendimento. Conheça esses e muitos outros materiais para iniciar a sua empresa ou gerenciar o seu negócio.

cta-ebook-cobrar-cliente-devedor